Por onde anda: Liédson Lacraia

O Liedson é o de chapeu? (FOTO: Andréia Albertini)

O Liedson é o de chapeu?
(FOTO: Andréia Albertini)

A seção “Por Onde Anda” mostra o que os ídolos do esporte mais apaixonante do mundo fazem depois de largarem o futebol. Quer matar a saudade do seu ídolo? Leia “Por Onde Anda”.

Liedson da Silva Muniz, conhecido apenas como Liedson Lacraia, nasceu na cidade baiana de Cairu, no dia 17 de dezembro de 1977. Como futebolista, o crack chamou a atenção pela astúcia. Quando menino, de tão magro, se escondia atrás da trave para fugir dos zagueiros. Quando a bola chegava perto, Liédson surgia para fazer o gol. Foi assim que o olheiro MC Golaço o descobriu.

Como jogador, se destacou no Flamengo e no Corinthians. Contudo, o gênio fez fama mesmo quando surgiu na mídia a dançarina Lacraia, que acompanhava o funkeiro MC Serginho. A semelhança entre os dois era tão grande que, após a morte da dançarina, Liédson chegou a substituí-la em shows. Apenas quem sabia que a Lacraia original havia falecido percebia a diferença.

Foi Ronaldo quem pediu a contratação de Liédson para o Timão.  Admirador de “mulheres” como Lacraia, há boatos de que o “Walter das antigas” confundiu o atacante com a dançarina durante uma festa de comemoração e os dois acabaram, digamos, dançando Eguinha Pocotó.

O sucesso era tão grande que até a torcida do Timão comprou a ideia do apelido Lacraia. Para incentivar o crack durante os jogos, o bando de loucos gritava ‘Vai  Lacraia! Vai Lacraia! Vai Lacraia!”, título de uma das músicas de grande sucesso de Serginho.

Infelizmente a própria questão musical foi quem decretou seu fim nos gramados. Seu joelho, já fragilizado pela má nutrição, não aguentou tantos rebolados e idas até o chão, o que lesionou o jogador permanentemente.

Hoje, aposentado do futebol, Liédson atua como Lacraia em shows pelo interior do Brasil: “Nunca ganhei tanto dinheiro na vida”, disse ele, sobre a nova carreira.