Após acertar o juiz, Cormier é desafiado por Rafael Moura

Após acertar o juiz, Cormier é desafiado por Rafael Moura

Ninguém sofreu tanto assistindo à luta de Jon Jones e Daniel Cormier quanto Rafael Moura. O atacante colorado, apelidado de He-Man pelo fato de ser um heroi e salvar árbitros que estão em perigo, não conseguiu ajudar Herb Dean, árbitro da luta, que levou um cruzado de Cormier após o final do embate.

Muito triste, He-Man lamentou não prever que isso poderia acontecer durante o combate: “É raro ver algo assim no UFC. Se eu tivesse imaginado que algo assim ocorreria, com certeza teria viajado para proteger Herb Dean. Só posso pedir perdão a ele, à sua família e a todos que confiavam no meu trabalho como protetor dos árbitros”, disse.

Sem pestanejar, Moura já encontrou uma forma de se redimir: “Estou usando o alcance do maior site do Brasil, o Olé do Brasil, para desafiar o Cormier. Bater no juiz é fácil, quero ver bater em alguém do seu tamanho. Se o Dana White aceitar, eu vou com tudo para ter a minha vingança”, desafiou.

O STJD já analisa as imagens e o título pode cair no colo do Fluminense, já que, após o soco, Jones fez um gesto obsceno para Cormier.

Veja também

Leave a Comment