Criador do seriado Chaves ameaça processar o Flamengo por plágio do Seu Madruga

Criador do seriado Chaves ameaça processar o Flamengo por plágio do Seu Madruga

O criador do seriado mexicano “Chaves”, Roberto Gomez Bolaños, ameaça entrar na justiça contra o Flamengo por plágio. Ele diz que os constantes atrasos de salários do clube foram inspirados no personagem Seu Madrugada, interpretado pelo falecido Ramón Valdés, que devia 14 meses de aluguel para o dono da vila, Senhor Barriga.

Bolaños contou como soube dos atrasos: “Eu recebi de um assessor a informação sobre os atrasos e liguei os pontos. O Seu Madruga estava sempre devendo, e o Flamengo também está sempre devendo. Muita coincidência”, disse o humorista.

Astuto, o criador de Chapolin aproveitou a situação para improvisar uma piada: “Acho engraçado, os jogadores fecham com o Flamengo e depois ficam como o Cão Arrependido querendo receber”, disse o mestre, fazendo referência à célebre frase do seriado Chaves.

O ator ainda lembrou que a idéia de extensos atrasos de pagamento ocorreu na década de 60, quando criou o personagem Seu Madruga: “Eu criei o personagem como um malandro bondoso, que apesar de não pagar o aluguel e passar a perna nas pessoas, tem um bom coração. Agora, o Flamengo quer se tornar o Seu Madruga contemporâneo, apenas com o componente da malandragem”, disse.

Utilizando frases do seriado Chapolin, o ator debochou da situação do rubro-negro: “Já que gostam de imitar, de copiar, bem que poderiam criar o ‘Chirrin Chirrion do diabo’ para fazer o dinheiro aparecer”, brincou.

Com ironia, Roberto deu mais um pitaco sobre os escândalos flamenguistas e sugeriu uma solução: “Estou pensando em realizar uma festa da boa vizinhança na Favela da Rocinha para arrecadar dinheiro para contratar o Robinho e o Vargas”, finalizou o imortal artista.

Bolaños ainda ameaçou processar a torcida do Corinthians por plágio do Seu Furtado.

Veja também

Leave a Comment